terça-feira, 25 de abril de 2017

DIA MUNDIAL DOS PINGUINS

DIA MUNDIAL DO PINGUIM

Hoje 25 de abril é o dia mundial dos pinguins. Acho que muita gente não sabe disso.Entretanto parece que não há muito que comemorar se considerarmos que mais da metade das espécies de pinguins encontram-se ameaçadas.



Entre as ameaças está redução de suas fontes de alimento. Os pinguins alimentam-se de peixes e o homem também. Até aí tudo bem, só que o pinguim mergulha e pega um peixe de cada vez com o bico. Já o homem usa redes de arrasto com 100, 200, 300 ou mais metros de comprimento, além dos espinheis, que são linhas de pesca quilométricas, nas quais são colocados anzóis iscados com peixes, lulas, etc. para capturar peixes maiores como os atuns, por exemplo. Ocorre que os pinguins acabam presos nas redes onde morrem afogados, ou fisgados nos anzóis dos espinheis, onde também morrem afogados. Situação semelhante ocorre com os albatrozes.


http://www.conhecer.org.br/enciclop/2013b/CIENCIAS%20BIOLOGICAS/A%20captura.pdf


Além disso, seus locais de nidificação tradicionais estão sendo reduzidos drasticamente por empreendimentos de prospecção, ocupação desordenada, entre outros problemas como os acidentes com derrame de petróleo no mar.


Não acabou. A presença de pesticidas e metais pesados no ambiente marinho acaba afetando os pinguins, através do processo de biomagnificação. Peixes bem pequenininhos comem plancton contaminado. Um peixe maiorzinho come dois ou três pequenininhos, e por sua vez é comido por um maior ainda que come mais uns dois ou três até chegar no pinguim que acaba tendo em seu organismo uma quantidade grande do metal pesado. Hoje o correto é chamar metal pesado de elementos traço (assim mesmo: plural e singular). Podemos entender o que ocorre como uma transferência de uma substância estranha ao meio biótico, de um alimento (presa) para outro organismo geralmente maior (predador), resultando em maiores concentrações no predador que na fonte de alimento.


Veja o vídeo “Walk with penguins” produzido pelo BirdLife International sobre os pinguins. Tem recurso de 360º. E um som bem legal. Utilize o fone de ouvido para melhorar a experiência. Tem uma cena na qual eles tomam banho de chuveiro natural. A água escorre da pedra como se fosse um chuveiro, e eles entram embaixo para tomar banho.


https://www.youtube.com/watch?v=oM7Su9SmxBE&mc_cid=846c68b5ce&mc_eid=da69fe5ea8


Quem mora aqui em Niterói e no Rio de Janeiro já está acostumado com a presença do pinguim-de-Magalhães nas praias.Em janeiro de 1995, outra espécie de pinguim, o pinguim-rei, chegou à praia de Saquarema (22o56’S,42o30’W) na região dos Lagos. O indivíduo foi resgatado pelo Corpo Marítimo de Salvamento dos Bombeiros em bom estado de saúde e foi entregue aos cuidados do Jardim Zoológico do Rio de Janeiro, onde foi atração durante um bom tempo.


http://www.ao.com.br/ao64_4.htm



Quer saber mais sobre os pinguins ameaçados? Leia em:


http://www.birdlife.org/list-penguin-species



Nenhum comentário:

Postar um comentário